Volta às aulas é bom momento para rever os hábitos de estudo

Revisar os conteúdos das aulas diariamente ajuda na preparação para as provas e facilita o aprendizado de novos conteúdos; fazer um cronograma factível pode ser boa estratégia

Organizar-se para manter o estudo em dia e não deixar as matérias se acumularem são desafios para todo estudante. A volta às aulas e o início de um novo ano letivo podem ser bons momentos para estabelecer o hábito de estudar diariamente.

“O aluno que costuma revisar os conteúdos dados a cada dia acaba tendo muitos benefícios. Um deles é estar mais bem preparado para as provas e não deixar tudo para a última hora. Outro é melhorar sua condição de aprendizagem, pois fica mais fácil identificar as dúvidas, resolvê-las e, assim, ter mais facilidade para entender os novos conteúdos que virão na sequência”, diz Yvete Vitorazzo Abiuzi, coordenadora da orientação educacional do Colégio Mater Amabilis.

O primeiro passo para criar essa rotina é se organizar. O estudante pode começar estabelecendo um horário para fazer as lições e estudar na sequência. Mas é preciso considerar o tempo que ele realmente poderá dispor para isso a cada dia da semana, levando em conta as demais atividades que faz, como inglês, natação ou cursos extracurriculares na própria escola.

“Montar um cronograma ou planilha no papel, na agenda ou num aplicativo ajuda bastante, pois permite visualizar o dia a dia e distribuir as tarefas, como lição de casa e a revisão”, afirma a coordenadora. Quanto às disciplinas, a orientação é reservar um tempo maior para aquelas que o aluno tem maior dificuldade.

Ao final de cada trimestre letivo, o estudante deve avaliar o seu cronograma de estudos, o que funcionou e o que não deu certo e, se necessário, fazer ajustes e adaptações para o período seguinte.

A coordenadora conta que, no Mater Amabilis, os alunos podem ter a ajuda das orientadoras para fazer esse planejamento e o acompanhamento. “Às vezes, os estudantes não consideram os diversos compromissos que têm durante o dia nem o deslocamento para estimar o tempo real que terão para estudar”.

Segundo ela, o importante é fazer um cronograma que funcione e compatível com a rotina do aluno. “Assim, ele vai perceber as vantagens da organização e a importância de estudar diariamente”.

Sem Comentários

Postar Um Comentário